Arquivos Meio Ambiente — Brumado VerdadeBrumado Verdade Arquivos Meio Ambiente — Brumado Verdade
MENU
Seja Bem-vindo! Hoje é Sábado, 19 de Agosto de 2017
Publicidade:
Publicidade:

Acessar
BLOG antigo


Nosso Whatsapp
77 99837-3618

Camaçari: Filhote de baleia jubarte é achado morto em Arembepe

14 agosto 2017 | 7:46

Foto: Divulgação

Um filhote de baleia Jubarte foi encontrado morto em Arembepe, Litoral Norte baiano, neste domingo (13). Essa é a segunda baleia achada em Camaçari neste ano. No dia 2 de agosto, uma Jubarte apareceu em Itacimirim. Segundo a Defesa Civil da cidade, via G1, o animal achado neste domingo tem três metros de comprimento e cerca de duas toneladas de peso. Uma equipe do órgão começou a fazer a retirada do animal no mesmo dia, com previsão de terminar o trabalho nesta segunda-feira (14). Segundo balanço de Instituto Baleia Jubarte na Bahia, divulgado no dia 3 de agosto, 14 baleias já foram encontradas mortas no litoral do estado neste ano. O instituto informou que fatores como o inverno mais rigoroso e o mar agitado tem influenciado no encalhamento de baleias.

Tags:

Porto Seguro: Sétima baleia Jubarte é encontrada morta

29 julho 2017 | 19:09

Foto: Genival Conceição / Arquivo Pessoal

Uma sétima baleia Jubarte foi encontrada morta no litoral sul baiano. O animal foi encontrado nesta sexta-feira (28) encalhado na praia de Barra Velha, em Porto Seguro, na Costa do Descobrimento. Segundo o G1, o animal, com cerca de quatro metros, foi visto por moradores, e o fato acabou confirmado pelo projeto Baleia Jubarte. Ainda segundo informações, o animal encontrado em Porto Seguro apresentava escoriações e hematomas na região da cauda. Ainda não foi informado o que motivou a morte da baleia. Na última segunda-feira (24), uma fêmea jovem Jubarte foi encontrada na praia de Lençóis, município de Una. O veterinário Wellington Laudano, do projeto (a)mar, informou que os óbitos das baleias ocorrem por problemas enfrentados na travessia do Atlântico Sul para as praias do sul baiano, com encalhes em redes de pesca, enfermidades e traumas.

Tags:

Porto Seguro: Filhote de baleia é encontrado morto em praia movimentada

25 julho 2017 | 0:21

Foto: Divulgação

Um filhote de baleia Jubarte com 7 metros foi encontrado morto nesta segunda-feira (24), na Praia de Ponta Grande, em Porto Seguro, região da Costa do Descobrimento. De acordo com o G1, esta é a quinta baleia da espécie que morre na região sul do estado, em um mês. Até que se saiba o que provocou a morte do animal, a prefeitura enviou funcionários para evitar que os banhistas se aproximem da água. Por conta da temperatura mais quente do mar no interno em relação às águas de outros locais, cerca de nove mil baleias são atraídas para o litoral da Bahia no inverno, todos os anos.

Tags:

Vereador que matou cobra após mordê-la na cabeça por ter sido picado recebe alta

19 julho 2017 | 23:01

Reprodução

Reprodução

Álvaro Teixeira resolveu usar a tarde da última quinta-feira (13) para colher palma e alimentar os animais de sua propriedade. Foi surpreendido por uma cobra cascavel, que o atacou e lhe deu uma picada. A solução que ele encontrou foi inusitada: resolveu matar o réptil com uma mordida na região da cabeça. E conseguiu. O animal não resistiu ao golpe e morreu. Esta história com contornos trágicos e, ao mesmo tempo, cômicos poderia ter saído da ficção, mas realmente aconteceu no município de Juru, no Sertão paraibano. “Assassino” da cobra, o vereador da cidade, Álvaro Teixeira (PSB), recebeu alta hospitalar nesta segunda-feira (17) e contou como tudo aconteceu. “Senti a fisgada na perna. Quando olhei, era uma cascavel. Daí eu peguei e mordi ela, porque eu fiquei com muita raiva na hora, foi instinto”, afirmou o vereador, em entrevista ao G1.  Após  revidar  a picada,  Teixeira disse que pegou o animal morte e foi direto para o hospital da região. Segundo ele, a equipe da unidade só acreditou que ele tinha sido picado por uma cascavel quando viu, de fato, o animal morto. O vereador ainda chegou a ser transferido para um hospital de Campina Grande, onde ficou internado até segunda. No local, chegou a  tomar cinco soros. Álvaro Teixeira já está de volta a Juru e deve retomar as atividades na Câmara Municipal na primeira quinzena de agosto.

Tags:

Inema alerta para 20 praias impróprias em Salvador neste fim de semana

15 julho 2017 | 6:42

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Cerca de 20 praias estão impróprias para o banho na orla de Salvador neste sábado (15) e domingo (16). O alerta foi divulgado nesta sexta-feira (14) pelo Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema). Por conta disso, os banhistas devem evitar as seguintes localidades: Tubarão (em frente ao conjunto habitacional, próximo à antiga fábrica de cimento), Periperi (na saída do acesso à praia), Penha (em frente à Igreja Nossa Senhora da Penha), Bogari (em frente ao Colégio da PM), Bonfim (ao lado da quadra de esportes, em frente a rampa de acesso a praia), Pedra Furada (atrás do Hospital Sagrada Família), Canta Galo (atrás das antigas instalações da FIB, Rua Agrário Menezes), Farol da Barra (em frente às escadas de acesso à praia, na Rua Dias D’Ávila, próximo ao Barra Vento e escada de acesso à praia, em frente a Av. Oceânica), Ondina (Próximo a escada de acesso à praia, em frente ao posto BR e Hotel Bahia Sol), Rio Vermelho (ao lado do Morro da Paciência e em frente a Igreja Nossa Senhora de Santana), Amaralina (em frente à Rua do Balneário e no fundo da Escola Cupertino de Lacerda), Buracão (em frente as escadarias de acesso à praia), Amaralina (No fundo da Escola Cupertino de Lacerda, em frente do painel do artista plástico Bel Borba e em frente à rua do Balneário e ao Edifício Atlântico), Armação (em frente ao hotel Alah Mar), Pituba (em frente a Portinox e atrás da Praça), Boca do Rio (em frente ao Posto Salva Vidas), Corsário (em frente ao Posto Salva Vidas), Patamares (em frente ao Posto Salva-Vidas Patamares), Placafor (em frente ao posto Salva Vidas) e Itapuã (próximo a escada de acesso à praia e em frente a Rua Sargento Waldir Xavier e em frente à Sereia de Itapuã).

Tags:

Baleia jubarte é encontrada morta na Península de Maraú

2 julho 2017 | 5:07

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Uma baleia jubarte foi encontrada morta na manhã deste sábado (1º), na Península de Maraú, situada no sul da Bahia. De acordo com o G1, a partir de relatos de banhistas, um veterinário do Projeto Baleia Jubarte informou que o animal é uma fêmea de pouca idade, com cerca de dez metros de comprimento. Segundo o especialista, as imagens apontam que o corpo da baleia está em fase inicial de decomposição. A localização do animal foi comunicada à Secretaria de Meio Ambiente de Maraú, responsável pela retirada da praia. Não se sabe quais são as causas da morte da baleia, no entanto, esta é a quarta a encalhar na costa brasileira, este ano. 

Tags:

Incêndio deixa mais de 2 mil desabrigados e ameaça reserva natural na Espanha

25 junho 2017 | 15:08

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Um incêndio que atingiu uma reserva natural na Espanha provocou a evacuação de mais de 2 mil pessoas. Segundo informações da agência EFE, as chamas tiveram início durante a madrugada de sábado (24) para domingo (25), entre as localidades de Moguer e Mazagón, na província de Huelva, no sul do país. O fogo ameaça o entorno do Parque Nacional de Doñana, declarado um patrimônio da humanidade pela Unesco em 1994 pela sua rica biodiversidade. Investigações iniciais não descartam que o incêndio tenha sido provocado por humanos. Centenas de agentes de meio ambiente e bombeiros florestais foram deslocados para a região para combater as chamas.

‘Cenário de destruição’, diz baiana sobre incêndio que matou mais de 60 em Portugal

20 junho 2017 | 5:44

Confira o relato da advogada baiana que mora em Coimbra, a 60 km do incêndio. Foto: Divulgação

Confira o relato da advogada baiana que mora em Coimbra, a 60 km do incêndio. Foto: Divulgação

As chamas que causaram uma tragédia em Pedrógão Grande deixaram em alerta outras regiões do país. Algumas delas, mais próximas, sofrem consequências diretas e suas populações estão muito assustadas. Uma delas é Coimbra, onde mora a advogada baiana Ludmila Fontes, de 33 anos. Ludmila voltava de férias e, na madrugada de ontem, desembarcou em Coimbra, que fica a 60 Km do incêndio. “Estamos todos muito assustados com o que está acontecendo ao nosso redor e com as informações que não param de chegar. Os sinais dos incêndios são perceptíveis por todos os lados, seja pela própria atmosfera tomada pelo fumo (nevoeiro causado pela fumaça), pelas cinzas que não param de cair e o som das sirenes”, relatou. 

Leia mais »

Brumado: 5 de junho, Dia Mundial do Meio Ambiente sem esperança

5 junho 2017 | 5:14

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Diferentemente dos anos anteriores quando o município tinha uma Secretaria de Meio Ambiente Recursos Hídricos e Agricultura funcionando, mas que neste dia tão especial, onde se comemora no mundo inteiro o dia de luta contra a devastação da natureza no planeta, ”Dia do Meio Ambiente”, Brumado entra na contra mão da história. Após a demissão por nepotismo do seu filho Rodrigo Cunha Vasconcelos, então secretário da pasta de meio ambiente, que perdeu o cargo por uma recomendação do Ministério Público, o gestor municipal contrariado, não nomeou nenhum profissional para a secretaria, que se encontra jogada as traças, sem perspectiva de funcionamento, para suprir as necessidades principalmente do homem do campo. Brumado já viveu tempos melhores, infelizmente mais um retrocesso na história da capital do minério, de solo árido e rico, cheio de encantamentos e bravos trabalhadores, que não desistem nunca, e lutam buscando o desenvolvimento de sua terra através do tempo e de sua cultura.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação  

Meio Ambiente: Hoje o foco é o aquecimento global, mas a chuva ácida persiste

4 junho 2017 | 14:24

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Quando a água da chuva, neblina ou nevoeiro reage com alguns poluentes atmosféricos, como os óxidos de nitrogênio e os óxidos de enxofre, formando ácidos fortes que por serem altamente corrosivos, causam grandes prejuízos materiais, danificando a pintura de automóveis, o concreto dos edifícios e pontes (expondo a estrutura metálica que também acaba sofrendo corrosão) e os monumentos históricos, além de acidificar os habitat aquáticos e florestas inteiras. Com o desenvolvimento e o avanço industrial, os problemas inerentes às chuvas ácidas têm se agravado e ficado mais sérios. Um dos problemas é que estas chuvas podem ser transportadas por grandes distâncias, podendo cair em locais onde não há queima de combustíveis e onde os prejuízos serão sentidos.
Leia mais »

Página 1 de 912...Última »

Enquete

  • O que você acha do nepotismo praticado pelos prefeitos em sua cidade?

    Veja o Resultado

    Carregando ... Carregando ...