Ex-marido de Dilma e ex-deputado federal, Carlos Araújo morre em Porto Alegre — Brumado VerdadeBrumado Verdade Ex-marido de Dilma e ex-deputado federal, Carlos Araújo morre em Porto Alegre — Brumado Verdade
MENU
Seja Bem-vindo! Hoje é Terça, 17 de Outubro de 2017
Publicidade:
Publicidade:

Acessar
BLOG antigo


Nosso Whatsapp
77 99837-3618

Ex-marido de Dilma e ex-deputado federal, Carlos Araújo morre em Porto Alegre

12 agosto 2017 | 9:47

Foto: Reprodução

Ex-marido da ex-presidente Dilma Rousseff, o advogado trabalhista Carlos Araújo morreu na madrugada deste sábado (12), em Porto Alegre, aos 79 anos. Ele estava internado em estado grave na UTI da Santa Casa de Porto Alegre devido a uma cirrose medicamentosa desde 25 de julho. A causa da morte não foi informada, segundo a Folha de S. Paulo. Araújo foi deputado estadual pelo PDT no Rio Grande do Sul na década de 1980. Conhecido pelo codinome Max durante os tempos de luta armada, ele foi preso pela Ditadura Militar em julho de 1970, meses após a prisão de Dilma, e deixou a cadeia em 1974, quando assumiu o escritório de advocacia do pai. Foi um dos fundadores do PDT, pelo qual se elegeu três vezes deputado federal. Araújo chegou a disputar, em 1988, a prefeitura de Porto Alegre, mas perdeu para Olívio Dutra. Em 2000, ele deixou a legenda, junto a Dilma e outros correligionários. Para o ex-deputado, a amiga e ex-mulher sofreu um “golpe” e foi abandonada pelo PT no processo de impeachment.



Enquete

  • Você acredita na honestidade de seu prefeito?

    Veja o Resultado

    Carregando ... Carregando ...