Arquivos Economia — Brumado VerdadeBrumado Verdade Arquivos Economia — Brumado Verdade
MENU
Seja Bem-vindo! Hoje é Segunda, 16 de Outubro de 2017
Publicidade:
Publicidade:

Acessar
BLOG antigo


Nosso Whatsapp
77 99837-3618

Petrobras eleva preço do botijão de gás nesta quarta (11)

10 outubro 2017 | 17:50

Foto: Reuters

O Executivo de Mercado e Preços da Petrobras definiu novo reajuste do gás liquefeito de petróleo (GLP) para uso residencial, vendido em botijões de até 13 quilos (GLP P-13), conhecido como gás de cozinha. O aumento será, em média, de 12,9% e começa a vigorar amanhã (11). o Executivo de Mercado e Preços da Petrobras definiu novo reajuste do gás liquefeito de petróleo (GLP) para uso residencial, vendido em botijões de até 13 quilos (GLP P-13), conhecido como gás de cozinha. O aumento será, em média, de 12,9% e começa a vigorar nesta quarta-feira (11).

Tags:

Herdeiros podem sacar PIS/Pasep de cotistas falecidos em qualquer data

10 outubro 2017 | 0:56

Governo divulgou calendário antecipado de saques do PIS/Pasep para os idosos. Foto: Divulgação

Herdeiros de cotistas falecidos do fundo PIS/Pasep podem sacar o benefício em qualquer data, sem necessidade de seguir o calendário para idosos, antecipado pelo governo. No caso do Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep), administrado pelo Banco do Brasil, o beneficiário legal pode consultar a existência de saldo disponível para saque no endereço eletrônico. Para isso, é preciso ter o número do CPF e a data de nascimento do cotista ou inscrição Pasep. A consulta sobre a existência de saldo de cotas do PIS também pode ser feita pela internet. Mas é preciso ter senha para a consulta, além do número do CPF ou Número de Identificação Social (NIS) e data de nascimento. Para efetuar o levantamento dos recursos do Pasep, os herdeiros devem comparecer a uma agência do Banco do Brasil (BB) e solicitar o saque. Para isso é preciso apresentar certidão de óbito e certidão ou declaração de dependentes (beneficiários) habilitados à pensão por morte emitida pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), na qual conste o nome completo do dependente, data de nascimento e grau de parentesco ou relação de dependência com o participante falecido. O herdeiro também pode apresentar a certidão de óbito e a certidão ou declaração de dependentes (beneficiários) habilitados à pensão por morte emitida pela entidade empregadora, para os casos de servidores públicos, na qual conste o nome completo do dependente, data de nascimento e grau de parentesco ou relação de dependência com o participante falecido.

Leia mais »

Tags:

Receita abre consulta ao quinto lote de restituição nesta segunda

9 outubro 2017 | 12:11

Foto: Divulgação

O quinto lote de restituição do Imposto de Renda de Pessoa Física (IRPF) de 2017 será aberto para consulta nesta segunda-feira (09). Nesta etapa, 2,3 milhões de contribuintes receberão a restituição, totalizando R$ 2,8 bilhões. O valor será pago na próxima segunda-feira (16). Segundo informações da Agência Brasil, o lote inclui também restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2016 destinados a mais de 2,4 milhões de contribuintes, somando R$ 3 bilhões. Idosos (22.351) e pessoas com deficiência física, mental ou doença grave (2.849) tem prioridade no recebimento. Para fazer a consulta, o cidadão precisa acessar a página da Receita Federal na internet (clique aqui) ou ligar para o Receitafone 146. O Fisco também disponibiliza o serviço em seu aplicativo para tablets e smartphones. A restituição ficará disponível no banco durante um ano. Caso o contribuinte não faça o resgate nesse prazo, ele deverá fazer um requerimento pela internet, usando o Formulário Eletrônico – Pedido de Pagamento de Restituição, ou fazer o pedido diretamente no e-CAC, no serviço Extrato do Processamento da DIRPF.

Receita libera consulta ao 5º lote de restituição do imposto de renda nesta segunda (09)

7 outubro 2017 | 19:09

Foto: Divulgação

Nesta segunda-feira (09), a Receita Federal vai disponibilizar para consulta o quinto lote de restituição do Imposto de Renda de Pessoas Físicas (IRPF) de 2017. Serão pagos R$ 3 bilhões a 2,42 milhões de contribuintes no dia 16 de outubro. Esse lote também vai incluir restituições residuais dos exercícios de 2008 a 2016. Para consultar se a declaração foi liberada, o contribuinte deve acessar a página da Receita Federal na Internet, ou ligar para o Receitafone, no número 146. A restituição ficará disponível no banco durante um ano. Caso o resgate dos valores não seja realizado nesse período, o contribuinte deve requerer pela internet ou diretamente no Centro Virtual de Atendimento (e-CAC).

Herdeiros podem sacar PIS/Pasep de cotistas falecidos

3 outubro 2017 | 0:55

Foto: Divulgação

Herdeiros de beneficiários cotistas do PIS/Pasep já falecidos têm direito a sacar o valor disponível. Começa no dia 17 desde mês a primeira etapa de pagamento das cotas do PIS/Pasep para beneficiários com mais de 70 anos. A partir de 17 de novembro, o pagamento será efetuado para aposentados, independentemente da idade. No dia 14 de dezembro, começa o pagamento dos maiores de 65 anos (homens) e 62 anos (mulheres). A expectativa é que a liberação das cotas do PIS/Pasep injete R$ 15,9 bilhões na economia, beneficiando cerca de 8 milhões de pessoas.

Conta de luz fica mais cara em outubro, Aneel opera bandeira vermelha

2 outubro 2017 | 6:03

Foto: Divulgação

Com a chegada do mês de outubro, a conta de luz ficará mais cara em todo país. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) mudou a bandeira tarifária das contas de luz, que passou a ser a vermelha patamar 2. A tarifa é a mais cara do modelo e representa a cobrança de taxa extra de R$ 3,50 a cada 100 Quilowatt-hora (kWh) consumidos. Em setembro, a bandeira tarifária das contas de luz foi amarela, com taxa extra de R$ 2 para cada 100 kWh de energia consumidos. A tarifa extra mais alta a partir deste mês se deve à necessidade de operar mais usinas térmicas, cujo custo de produção da energia é mais alto que a da produzida nas hidrelétricas. A mudança foi anunciada pela Aneel na última sexta-feira (29). É a primeira vez que o patamar 2 é acionado, desde que a bandeira vermelha passou a contar com duas graduações, em janeiro de 2016. A decisão foi tomada devido à baixa vazão das hidrelétricas, porque as chuvas em setembro ficaram abaixo da média. Segundo o relatório do Programa Mensal de Operação (PMO) do Operador Nacional do Sistema (ONS), a situação dos reservatórios das usinas hidrelétricas alcançou níveis preocupantes. A agência reguladora aponta que ainda não há risco de desabastecimento de energia, mas alerta para a importância de os consumidores intensificarem o uso consciente e combater o desperdício de energia elétrica.

Tags:

Tarifa extra nas contas de energia ficará mais cara em outubro por causa da estiagem

29 setembro 2017 | 16:49

Foto: Divulgação

A tarifa extra em vigor nas contas de energia ficará mais cara a partir de outubro. A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) deve anunciar nesta sexta-feira (2) que a bandeira tarifária vai passar para vermelha patamar 2, o mais caro previsto, e a taxa cobrada nas contas de luz será R$ 3,50 a cada 100 kWh consumidos. Seria a primeira vez desde 2015, quando o sistema foi criado, que a taxa extra de R$ 3,50 seria cobrada. Em setembro vigorou a bandeira amarela, que aplica taxa extra de R$ 2 para cada 100 kWh de energia consumidos. O motivo para o encarecimento é a estiagem e a necessidade de uso mais intenso das termelétricas, de acordo com o G1. O custo de geração de energia fica mais alto conforme aumenta o uso de usinas termelétricas, já que tal modalidade usa combustível (óleo, gás, carvão, biomassa) para gerar eletricidade – a mais cara produzida pelas hidrelétricas. Neste ano, o país enfrenta um anova estiagem, que reduziu o volume de água armazenado nos reservatórios das principais hidrelétricas do país. Por casua da necessidade de poupar essa água, o governo aciona mais termelétricas para atender à demanda dos consumidores. 

Tags:

Inadimplência do consumidor cai 3,1% em agosto

16 setembro 2017 | 15:30

Na variação acumulada em 12 meses, o indicador cedeu 2,1%. Foto: Divulgação

A inadimplência do consumidor caiu 3,1% em agosto, de acordo com dados nacionais da Boa Vista SCPC, considerando a avaliação com ajuste sazonal. Na análise acumulada em 12 meses (setembro de 2016 até agosto de 2017 frente aos 12 meses antecedentes) houve retração 2,1%. Nos valores acumulados no ano, a inadimplência ainda apresenta retração de 1,0% quando comparado ao mesmo período do ano anterior. Já quando comparado o resultado contra o mesmo mês de 2016, o indicador apresentou 3,7%. Regionalmente, na análise acumulada em 12 meses, ocorreu queda nas regiões Sudeste (-3,8%), Nordeste (-2,4%) e Norte (-0,8%), enquanto nas regiões Centro-Oeste e Sul houve crescimento de 0,2% e 2,8%, respectivamente. As adversidades ocorridas na economia ao longo dos últimos dois anos geraram grande cautela nas famílias, inibindo o consumo e consequentemente contribuindo para a diminuição do fluxo de inadimplência. Mantendo a perspectiva de pequeno crescimento da economia e renda, juros menores e inflação controlada, espera-se uma retomada sustentável da demanda de crédito, expandindo a renda disponível das famílias, fatores que deverão colaborar para a manutenção de um ritmo estável do estoque de inadimplência em 2017.

Petrobras reduz preço da gasolina em 2,5% e do diesel em 2,4% a partir de terça

11 setembro 2017 | 14:12

Foto: Divulgação

A Petrobras vai reduzir o preço da gasolina nas refinarias em 2,5% e o diesel em 2,4% a partir desta terça-feira (12). A nova política de revisão de preços foi divulgada pela petroleira no dia 30 de junho. Com o novo modelo, a Petrobras espera acompanhar as condições do mercado e enfrentar a concorrência de importadores. Em vez de esperar um mês para ajustar seus preços, a Petrobras agora avalia todas as condições do mercado para se adaptar, o que pode acontecer diariamente. Além da concorrência, na decisão de revisão de preços, pesam também as informações sobre o câmbio e as cotações internacionais. 

Petrobras anuncia novo reajuste no preço dos combustíveis; gasolina sobe 2,6%

8 setembro 2017 | 15:11

Foto: Divulgação

Um novo ajuste no valor dos combustíveis foi anunciado pela Petrobras nesta sexta-feira (09). Segundo a empresa o diesel terá alta de 1,5% e a gasolina de 2,6%. Os novos valores passam a valer a partir deste sábado (9). Desde que a Petrobras adotou a nova política de mercado, os ajustes nos preços dos combustíveis tem acontecido quase que diariamente. No último movimento de preços, anunciado na quarta (06), a Petrobras havia reduzido a gasolina em 3,8%, após uma série de aumentos em decorrência dos efeitos da tempestade Harvey nos Estados Unidos.

Tags:
Página 1 de 1612...Última »

Enquete

  • Você acredita na honestidade de seu prefeito?

    Veja o Resultado

    Carregando ... Carregando ...